29 de ago de 2009

Should I stay or Should I go?

Acho que vou virar headbanger de vez. To cansado de ser o bonzinho, nunca ganhei nada com isso... Mas fico com pena de matar o cara bonzinho. Eu gostava dele, apesar de tudo. Mas era muito bobinho, muito ingênuo. Ah, sim, meu prazo está se esgotando. E, se eu não agir, vou me fuder. Então, volto aos meus vícios e que se foda.

*ao som de Blind Guardian (Imaginations from the other side, Lost in the twilight hall, A past and future secret e Time stands still at the iron hill)

22 de ago de 2009

The Middle Earth Paradigm

Estava vendo um ranking de audiência da primeira temporada do TBBT e vi que o episódio de maior audiência era o sétimo. Decidi ver o sexto então, supondo que esse teria sido tão bom que atraiu muita gente para ver o sétimo...

E realmente, este é um dos melhores. A festa do Halloween da Penny. Reparei que algumas frases clássicas são desse episódio.



Leonard: I call Frodo!



Sheldon: I'm the doppler effect.

Sheldon: There, there

E claro, a seqüência sensacional dessa cena, acho que explica o sucesso do episódio seguinte...

E, pra finalizar, Raj.
Mulher aleatória: You are such a good listener!

19 de ago de 2009

Um dia perfeito

Ah, se todos fossem assim... Mas ainda dá pra melhorar. Ô, se dá!

18 de ago de 2009

Protoboard

É, o menininho curioso agora vai ter que levar a sério. E até agora tenho me animado com a coisa nova. Me sinto como um médico indo estudar anatomia em casa com um crânio. Mas em vez disso, vou ter uma protoboard. Ah sim, é A protoboard ou O protoboard. Bom, eu, no momento, defendo A protoboard. É a placa, a matriz de contato... Por que seria O protoboard? Mas enfim. É que nem Quimós (CMOS) e asquii (ascii), cada um fala do seu jeito...

15 de ago de 2009

Mais um fuuuuuuuuuuu

Fuuuuuuu minimalista. Não precisa de 3 quadrinhos hahahah

Tirei do blog do Loko - visitem: http://seorabo.blogspot.com/

A original, pra quem quiser ver:


Discussão Filosófica

Quando você tem um sonho, e decide escrever sobre ele, ele é invenção sua realmente? Bom, por um lado, sim, porque ele vem do caos das informações da sua mente. Mas por outro lado, você não parou e pensou nisso. Nem sequer teve a intenção. Nem trabalhou para isso. Foi uma imagem que veio e você conseguiu lembrar. Bom, sonhos são coisas muito misteriosas. E quase nunca lembro deles... O que me faz pensar, o que lembramos do sonho é o sonho realmente ou é alguma coisa que o sonho fez pensar na hora que acordamos? É muita insanidade. Agora, quando você está caçando alguma coisa e essa coisa vem no sonho, acho mais plausível que você realmente tenha pensado naquilo. E seu cérebro só resolveu trabalhar durante a folga, vai entender. Hoje, tive um sonho lindo. Só isso. Desconexo da minha realidade atual.

12 de ago de 2009

Rufuse/Resist

Agora a pressão aumenta. Será que devo ceder ou resistir? Será que resistir recompensa? Qual lado devo ouvir. Será que devo cortar meu cabelo? Ou aproveitar enquanto tenho? Ó dúvida cruel!
(Recuperado de um começo de noite desanimador. Mais animado agora. Acho que foi quando ouvi Home do DT que me fez melhorar. Ou sei lá o que...)

*ao som de Dream Theater (Wither)

10 de ago de 2009

No Beer and no Youtube makes Homer something something

Go Crazy?
Don't mind If I do bluabalubebuaebluaebkhgsjirbgaibgauigberogb



www.youtube.com/watch?v=5yGJGTjV2WE se é que vc vai conseguir ver

YouTube is down for maintenance and will be back shortly.

Sem Youtube, a gente fica doidcho! (não consegui tirar esse itálico idiota, saco)

Mas aparentemente é bem shortly mesmo. Ou não. Agora tá funfando (y).

7 de ago de 2009

Ontem

Foi um belo dia. Ri com Wagner Montes falando da escuridão e o "matagal do cacete" na Grajaú-Jacarepaguá, entre chingamentos de vagabundos e merdas. Ri com as imitações aleatórias do Lopes Maravilha no Rock Bola na reprise inédita. Ri de noite com o seguinte vídeo da Escolinha do Professor Raimundo:



E conheci o amigo Clonazepam.

Remedinho pra depressão e epilepsia. Estrutura bem simples, dessas que caem em vestibular pra achar a função (momento volta à química agora). Mas só pra afastar o momento química, andei vendo o material de Circuitos Lógicos. Parece ser bem bacaninha. Quero aprender essa porra.

Twister

Nesses tempos em que todo mundo está fazendo twister, continuo com meu velho e bom blogspot. Onde ninguém lê, nem faço questão que leia. Pensei em fazer, vou pensar no caso. Mas não sei, me parece meio arriscando. Cair em erros parecidos com o do Orcute. Ou mesmo, pode acontecer de as pessoas lerem meu twister! Isso seria muito assustador. Ninguém lê o que eu escrevo para ser lido no Orcute. Ninguém lê meu blog. É, acho que é melhor continuar assim. Não sou mágico para fazer as pessoas certas lerem.

*ao som de Lulu (Apenas mais uma de amor)

3 de ago de 2009

1 de ago de 2009

This is a story of courage, honour, and worms.

"We are worms, we're the best, and we've come to win the war We'll stand, we'll never run, stay until it's done Though our friends may fall, and our world be blown apart We'll strike with all our might, we'll fight for what is right till the end"

Eis que de repente, decido, no meio do tédio, da frustração e da saudade, entrar no chat do Worms 2. Tá, como de costume não tinha ninguém. Mas o Bakura tava lá! ah saudades desses caras! W2 = Família. Cuja religião é Roper! E então o Bakureca me passou o seguinte vidjo de Worms:

http://www.youtube.com/watch?v=EcWEAEoVKl8

Letra:

This is a story of courage, honour, and worms.

War had cast a shadow over their once peaceful land. Gunfire filled the air as worm turned against worm. Where so many had fallen, others knew they must follow. For one such worm, this day had already come. When he was two, his father had left, never to return. Three years he had waited for his chance to fight - three years of training, both day and night. And though he was scared as he set off for battle, he knew in his heart, it was something he must do. Three inches tall, and armed to the teeth - a fine soldier he made, and his name was Boggy B.

Chorus:
We are worms, we're the best, and we've come to win the war We'll stand, we'll never run, stay until it's done Though our friends may fall, and our world be blown apart We'll strike with all our might, we'll fight for what is right till the end

Scrambling up a hill and hiding behind a tree, he looked at the battle that raged down below. It was there he saw his friend Spadge, stood upon a bridge. But another worm had also seen him, and aimed to have him dead! Boggy called to Spadge, but Spadge didn't hear. He never knew what hit him as he flew into the air. It was all too much for Boggy as he watched his best friend die. His heart filled with rage, and he gripped his rifle tight. Charging down the hill, he had to have revenge. What had Spadge done to come to such an end? Reaching the bottom of the hill, Boggy suddenly heard a click... he realised to his terror, there was a mine under his tail!

Chorus:
We are worms, we're the best, and we've come to win the war We'll stand, we'll never run, stay until it's done Though our friends may fall, and our world be blown apart We'll strike with all our might, we'll fight for what is right till the end


Hitting several cliffs and landing in a tree, Boggy pulled himself together - there was much he had to do. Spotting the enemy down below, he knew this was his chance. Boggy grabbed a stick of dynamite and dropped it on his head. The enemy, he tried to run, but all he could really do was squirm! As the fuse ran out, there was a mighty bang, and everywhere were bits of worm. With their leader blown to kingdom come, the enemy, they turned and ran! Boggy bungeed from the tree and landed safely on the ground. As he watched the enemy squirm away, the cry went up... we've won the war!

Chorus:
We are worms, we're the best, and we've come to win the war We'll stand, we'll never run, stay until it's done Though our friends may fall, and our world be blown apart We'll strike with all our might, we'll fight for what is right till the end

All I can say is... Foda. E não podia deixar de citar a frase do CDE (o tão querido Clan-Destino, do Digital, do Tjäder (Tigéder), do TuKy e tantos outros!). Diz o seguinte: "Lutar até morrer, mas nunca da batalha correr."

Quem sou eu

Raphael Fernandes
Carioca, Brasileiro, Estudante de Robótica
Hiperativo, Imperativo
Gosto de tecnologia, de transporte, de Rock, de reclamar e de propagandas criativas (e outras coisas que posso ter falado em um post ou não)
Musicalmente falando, sou assim.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Veja também...