31 de mai de 2009

Lost.

Perdido, precisando de um tempo para refletir. De novo. Se sofro, sinto que estou voltando à minha normalidade. Estou voltando a ser o que era. Não que eu goste, mas parece ser uma boa saída. Não que goste de sofrer, gosto apenas do velho e bom eu. Mas os defeitos? É, preciso saber dosar o que é ruim do velho. Não, não quero aquilo de volta. Prefiro a sagacidade dos últimos tempos. Sorte, talvez. O fato é que eu fiquei meio assustado com a mudança. É normal, acredito eu. E fiquei tenso por ter ficado relaxado demais. Gosto do velho eu. Mas preciso pegar as melhoras dos últimos dias e levar adiante. Deu pra perceber a confusão mental? Perdido, precisando de um tempo para refletir. Ou pra pensar em nada. Fora que eu preciso fazer um milhão de coisas. E ainda reclamo de tédio. Tédio de dias inúteis mal aproveitados, que não sei aproveitar. Ou, no final das contas, é tudo uma bela de uma opinião imposta pela sociedade, um belo conto de fadas.

*ao som de Coldplay (Everything's not lost e Sparks) e U2 (Where the streets have no name)

30 de mai de 2009

Espelho

Vou superando a sensação de estranhamento daquele momento. Não que

aquilo me incomodasse, mas sair da rotina de tristezas e de "você não

serve" me causou uma certa confusão mental, misturando a esperança e

a certeza do "fiz tudo errado". E, de fazer tudo errado, fiquei

impressionado como pôde dar certo. Estive no limiar para tudo

terminar mal, se isso acontecesse, estaria arrasado. Essa certeza de

que fiz tudo errado era um pouco triste no começo, mas teria sido bem

pior se não tivesse terminado bem. E, depois, fui me apegando mais ao

sentimento da esperança de que aqueles momentos voltarão. E assim,

fui superando o estranhamento, ainda que certo de que continuarei

errando. Na verdade, venho me deparando com coisas que me provocam

estranhamento a princípio nesses últimos dias, coisas do tipo que

dependem do seu referencial inercial. É se encarar no espelho e ver,

talvez, alguma coisa boa, mesmo tendo uma mente perturbada, confusa,

por trás daquela imagem virtual. E, de se encarar no espelho, obter

mais uma sensação de estranhamento. Tenho essa sensação depois de

ficar me olhando por muito tempo no espelho. E o mundo explodindo lá

fora, e minha cabeça que não para de pensar. Em tudo. No futuro

incerto. Nos meus segredos. No meu romantismo ultrapassado. Ter o receio de ter meu romantismo recusado. De resto, fica a expectativa, inevitável, me desculpem o meu incurável romantismo que me faz bobo, que me faz ingênuo, talvez, ainda que eu tenha meu pé atrás com tudo, do meu jeito bicho do mato, desconfiado, mal encarado, será? Ficaria com desconfiado, mas ingênuo, sim. Vamos adiante, andemos, porque no céu, que se faz cinza agora, terá um sol a brilhar, em breve.

*ao som do Classic Metal 2

Espelho? Mais um? Coisa de fã de Dream Theater.

20 de mai de 2009

A experiência dos gatos gêmeos

E se fizéssemos um experiência onde dois gatos gêmeos são colocados em uma câmara que, após um tempo determinado, solta um gás tóxico e matássemos eles. Mas um fica na Terra e outro fica viajando pelo espaço com velocidades próximas à da luz. Quem morre primeiro?

Hoje, comecei a estudar a Relatividade. Em Física IV. A insanidade está apenas começando. E sobre a charada? Não sei se é isso, mas sei lá, o tempo é relativo e daí não dá pra determinar sem um referencial inercial. Vai ver, depende do atrito do ar. (algo me diz que os dois bichanos vão ter a sensação de morrer à mesma hora. Quem será que chega no Céu dos Felinos antes?). Hoje eu aprendi o sobrenome do éter do vácuo. Éter luminífero!

Comprei um som da Philco. Eu reclamava da hp. Agora eu to conseguindo ver algo pior. A philco não deixa eu ouvir músicas pauleiras, o som simplesmente morre quando entra uma porrada do estilo Slayer ou Joe Satriani. No Slayer, ele desligou no grito no começo do Angel of Death (foi o mais longe que consegui ouvir da música com som alto do tipo irritar vizinhos). Pro Satriani, ele morreu só com a entrada do Surfing with the Alien. E até com Ac/Dc, na Thunderstuck (mas foi no meio). U2 e Coldplay, tocou até o final.Isso não deve ser normal. Tá, até aí tudo bem. Resolvi ir no site, achando que o manual não tinha site por alguma distração. Mas, sim, não tem site. O máximo é essa página dizendo que tá em cosntrução. Sinistro não ter um atendimento online com o cliente. Agora me resta o 0800. Vou deixar pra amanhã de manhã, não acredito em 0800 depois das 6. A hp pelo menos me enrolou um pouco com o atendimento online. Não funcionou, mas tentaram... Ah, sim, PRECISO ligar para o 0800 da hp, vou deixando pra depois, qualquer dia perco a garantia... E a esperança de scannear alguma coisa com a sensacional multifuncional (y)

*ao som de Slayer (Angel of Death) e Ac/Dc (Thunderstuck)

17 de mai de 2009

Justice - DVNO


It's always the same
always ashamed
Story telling
"When I can't come in"
To a hopeless troglodyte
One more time
my answer stands
I swear I mean "no offense"
But you better learn to read
It's all about membership

Hey, for young and old
Ugly girls and boys
I put you on my list
And make you clap to this mayhem
I just don't need that trip
But only one can win
And soon you'll say that's him

D V N O
Four capital letters
Printed in gold
'Cause details make the girls sweat even more
while they're shaking their belt
No need to ask my name
to figure out how cool I am

Can anyone read, anyone feel
That I'm losing my patience
I just came here to bounce
Ladies are waxed
They all know I'm coming
I'm losing my patience
I just came here to bounce

D V N O
Four capital letters
Printed in gold
'Cause details make the girls sweat even more
while they're shaking their belt
No need to ask my name
to figure out how cool I am

Can anyone read, anyone feel
That I'm losing my patience
I just came here to bounce
Ladies are waxed
They all know I'm coming
I'm losing my patience
I just came here to bounce

D V N O
Four capital letters
Printed in gold
'Cause details make the girls sweat even more
while they're shaking their belt
No need to ask my name
to figure out how cool I am
------------------

Viciei nessa música. Primeiro vi na MTV o clipe, achei mto foda, as referências às marcas, na hora eu não tinha notado que eram em específico dos anos 80, reparei mesmo nas marcas com o símbolo da Fox, era bem claro. O da Sega tmb. Mas antes de perceber as referências, já tinha gostado.

Bom, dei uma olhada na net e esses sites aqui falam das referências do clipe:

http://fontfeed.com/archives/back-to-the-eighties-with-justices-dvno/
http://iheartkiiki.blogspot.com/2008/04/justice-dvno-80s-old-school-tv-bumpers.html
http://lalai.net/2009/05/03/tipografia-do-clipe-dvno-do-justice-desvendado/

Mto legal. A referência da Audi eu tmb desconfiei em Cool e a daTop Gun, é bem parecida... A da Universal Studios é idêntica! E aquelas fitinhas! Lembra muuuito a... Sessão da Tarde!!!!!

No Need to Ask My Name to Figure Out How Cool I Am

16 de mai de 2009

Quem sou eu do Orcute

o cara certinho

"Perdão, se ouso confessar-te
Eu hei de sempre amar-te
Oh flor meu peito não resiste
Oh meu Deus o quanto é triste
A incerteza de um amor
Que mais me faz penar em esperar
Em conduzir-te um dia
Ao pé do altar
Jurar, aos pés do onipotente
Em preces comoventes de dor
E receber a unção da tua gratidão
Depois de remir meus desejos
Em nuvens de beijos
Hei de envolver-te até meu padecer
De todo fenecer"

"Recreio, Praia, Terreirão"
~Maquiavel

"Cidade de Deus, Gardênia"
~Nietzsche

"Anil, Ituverava... Hospital Cardoso Fontes"
~Dostoievski

"Barreiros, Cinco Bocas, Clínica Balbino"
~Platão

"Guarabu, Cacuia, Cocotá, Tauá, Freguesia, Bananal"
~Descartes

"Tentar é o primeiro passo rumo ao fracasso"
~Homer Simpson

Abortions for some, miniature American flags for others.

Don't You forget about me

---
Me revoltei e decidi tirar. Chamem o Darcy. OOOoooooooooooooo Darcy!

15 de mai de 2009

Ópera do CS (Italy) - E il sol dell'anima

Uscire! Adesso!
Ora che accendene un fuoco istesso!
Ah, inseparabile d'amore il Dio
Stringeva, o vergine, tuo fato al mio!

È il sol dell'anima, la vita è amore,
Sua voce è il palpito del nostro core
E fama e gloria, potenza e trono.
Terrene, fragili cose qui sono.
Una pur avvene sola, divina,
È amor che agli angeli più ne avvicina!
Adunque amiamoci, donna celeste,
D'invidia agli uomini sarò per te.

Tradução:

Ir-me embora?... Agora?...
Quando me invade um fogo intenso!
Ah, o deus do amor, ó virgem,
uniu para sempre o teu destino ao meu.

Ele é o sol da alma, a vida é amor
sua voz é o palpitar do nosso coração.
A fama, a glória, o poder e o trono,
são coisas frágeis e passageiras:
Há apenas uma coisa divina,
o amor que nos faz semelhantes aos anjos!
Amemo-nos pois, alma celestial,
Serei por tua causa a inveja dos homens!

Tradução: Fernando Santos




Ópera que toca no cs_italy, o mapa da Itália no Counter Strike. Composta por Verdi, é parte de uma ópera chamada Rigoletto. Segundo um cara no Youtube, é o Ato 2 da peça. Se chama E il sol dell'anima.

11 de mai de 2009

Cinema Mudo

CINEMA MUDO - PARALAMAS - CINEMA MUDO - PARALAMAS


Uôle bolê
ô ô ô ô ô ô ô

Amor sem palavras
Cinema mudo
Não falo nada
Você sabe tudo
ô ô ô ô ô ô ô ô ô

A noite chega
Me dá um toque
Melancolia não dá ibope
ô ô ô ô ô ô ô ô ô

Eu tenho que aprender a dizer tudo
que eu sinto por você
Eu tenho que aprender
Num desses seriados da tevê

8 de mai de 2009

Higher we go - Stratovarius


Feeling so sad and tense
Confusion on my mind
Nothing makes any sense
Things are entwined

Hopeless soul in the haze
Trying to find the way
Out of this wicked maze
To a new day

We will rise out of agony
And find a way to victory

Higher we go
Climbing up to the skies
Higher we go
A new day will arise

When all is crashing down
I know the time will heal
In this insanity
We'll find what is real

Together we are so strong
Holding our heads up high
We will carry on
'Til the day we die

We will rise out of agony
And find a way to victory

Higher we go
Climbing up to the skies
Higher we go
A new day will arise

6 de mai de 2009

Preciso de férias (mais uma vez)

É, hoje a prova da morte nem foi da morte. Tranqüila e realmente estava pronto. Mas a de amanhã... E principalmente, a de depois de amanhã...
É, amanhã é dia de estudar MUITO. Sabe, aquelas paradas, estudar em um dia o que eu não estudei em 2 meses. É foda, mas é possível...
Eu tava evoluindo na minha luta contra a preguiça (ou o que quer que seja, eu sei que não é preguiça, mas deixemos assim) mas hoje tive uma derrotazinha. Ou seja, nada estudei. E hoje tive uma pequena evoluçãozinha no meu cao de mudez. Eu acho. Mas é foda, já falei sobre isso aqui . Ah sim, revendo esse tópico, ouvi de novo a música que eu tava lembrando esses dias. To na fase de seguir essa música, Não quero mais amar a ninguém...
Agora, é erguer a cabeça, ser forte e mostrar ao mundo que sou maior que isso. Sinto esperançoso em me reerguer. E, dos estudos, ter foco. E não deixar mais nada acumular. E adiantar matérias. Esse desespero não é nada legal. E a tal "preguiça" é ajudada pela falta de ritmo. Métodos tá aí pra provar isso. Depois que venci a barreira da energia de ativação, já tava viciado, não conseguia parar de estudar Métodos. E provavelmente me dei bem na prova da morte.Agora, vou dormir pra vencer as energias de ativação da Física IV. Boa sorte pra mim.

*ao som de Brasilidade - Não quero mais amar a ninguém (Cartola)

E de resto, chamem o Darcy. Ooooooooooooooooo Darcy!!!!!!!!!!!

4 de mai de 2009

Estou pronto!

Quarta é a prova da morte. Estou pronto, que venha o pior. E sobre as outras coisas? Não vou falar das outras coisas. Pelo menos por enquanto.

*ao som de Kreator (Extreme Agression)

3 de mai de 2009

Vice de novo!

Incrível, eu ainda ligo pra futebol! Bruno - não passa porra nenhuma

E minha tentativa de estudar Física IV foi pro beleléu.

Flamengo: Penta-Tri campeão Carioca.

2 de mai de 2009

Silêncio

O silêncio é uma prisão.
Silêncio, orgulho e medo. Que porcaria!

Ah sei lá, talvez eu vire um headbanger, vou ver se escrevo sobre isso.

*ao som de Machine Head (Ten Ton Hammer e Old)

1 de mai de 2009

Música

Legião Urbana, pela simplicidade (porque não precisamos, necessariamente, de várias notas para ter emoção), pelos sofrimentos de amor e por falar o que ninguem quer lembrar.
Metallica, porque a vida não é perfeita e às vezes, precisamos do ódio para superar a tristeza.
Stratovarius, porque a vida não é eterna e às vezes precisamos lembrar disso.
U2, porque a vida não é eterna, mas não precisamos lembrar disso sempre.
Kiss, porque precisamos sorrir e dançar.
Ac/Dc, porque precisamos ser crianças.
Dream Theater, porque precisamos de solos que tocam na alma.
Joe Satriani, porque nem sempre precisamos de palavras.
Coldplay, pela esperança de que sofrimentos de amor virem, um dia, alegrias do amor.
Guns n' Roses, porque precisamos de agitação.

*ao som de Coldplay (Death and All his friends e The Escapist)

Quem sou eu

Raphael Fernandes
Carioca, Brasileiro, Estudante de Robótica
Hiperativo, Imperativo
Gosto de tecnologia, de transporte, de Rock, de reclamar e de propagandas criativas (e outras coisas que posso ter falado em um post ou não)
Musicalmente falando, sou assim.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Veja também...