6 de jul de 2012

Começou a Palhaçada

Ainda estou em dúvida se voto nulo ou se mantenho minhas eternas esperanças que meu voto vai adiantar alguma merda nessa eleição, dominada por panelinhas, joguinhos, manipulação, entre outros. Do que adianta meu voto, se o tapado na favela vai ter memória curta. Mas gostaria que o Otávio Leite ganhasse, ele me parece ser alguém que fez algo de concreto e, se tem bandeira pelos deficientes, já é alguma coisa no sentido de fazer mudanças efetivas na cidade, em vez de fazer obras faraônicas (Metade da Música, derrubar a Perimetral, etc), já está além de fazer pracinhas... Infelizmente, o carioca tem o eduardo paes que merece, sendo que ser prefeito desta cidade é um prêmio dos bons para quem for mais bandido, mais malandro: é uma cidade com alto custo de vida sem investimento público... Perfeito para um governante, não é? Você caga toda uma cidade, exceto, eventualmente, uma parte pequena, recebe bastantes impostos, paga-se caro para comer, estacionar, se locomover (metrô e ônibus/bilhete único são dos mais caros do país) e a diferença? Bem, a diferença vai para o esgoto dos cérebros dos ouvintes de funk que votam nesse país. Tinha que separar em três mesmo, essa cidade. O Rio fica com Zona Sul, Centro e grande Tijuca ... Barra, Jacarepaguá e São Conrado viram um novo município (sim, existe isso), pega ai o outro lado da Zona Oeste e vira um terceiro e dá o resto pra Nova Iguaçu . Já tá irreversivelmente cagado (talvez desse pra criar o município da Ilha do Governador, ou simplesmente doasse pra Caxias). Ao menos, íamos ter três lugares para receber os eventuais investimentos, três zonas suis, em vez de ter uma só, com um município só. 


Apesar de totalmente desiludido, ainda tenho algum pingo de esperança (sou um eterno otimista), então tenho ai três meses para decidir se levo um dado pra urna ou se voto 45 (ou 54). Uma pena ter tanto imbecil no mundo, bando de filho da puta. E, para não perder o costume, vamos nosso governo e nosso estado que não é nação...

Nenhum comentário:

Quem sou eu

Raphael Fernandes
Carioca, Brasileiro, Estudante de Robótica
Hiperativo, Imperativo
Gosto de tecnologia, de transporte, de Rock, de reclamar e de propagandas criativas (e outras coisas que posso ter falado em um post ou não)
Musicalmente falando, sou assim.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Veja também...