25 de jan de 2011

Copa São Paulo de Empresários - Final: Flamengo x Bahia

Como bem descrevia o Escobar nos seus tempos áureos de Rock Bola, esta é a Copa São Paulo de Empresários. E isto ficou bem claro nesta final que acabo de assistir. Muita firulinha, muito individualismo. O loirinho lá (Adryan com ipisilone) era um sebo, no pouco que vi do jogo ele só passou uma bola. Tinha outros também. Inclusive, o jogador contundido continuou a chorar enquanto o time fazia um gol, refletindo todo o seu espírito de equipe. Na minha ótica, ele pareceu estar chorando mais por decepção de não poder se exibir para os empresários que por dor.

O time do Bahia tomou um sufoco e cometeu alguns erros de saída de bola que terminaram sem gol pois o Flamengo cometia erros de individualismo. Mas seria uma promessa de bons frutos vindo para o time principal do Bahia, que passou por toda aquela crise. Uma pena que esses jogadores provavelmente não chegarão ao time principal e se beneficiarão dos dólares da Lei Pelé.

Mas o destaque que logo veio à minha mente foi o fato de ter um time carioca e um baiano disputando a copa SÃO PAULO, um tapa na cara desse bando de paulistas que vivem a apunhalar o futebol carioca. Ah, o jogo foi excelente, pelo menos o pouco que assisti foi bem empolgante, deu até pra dar algum valor a essa final, deu pra torcer. E o goleirão do Flamengo, podiam tirar o corinthiano mascarado de lá e colocar esse aí!


*ao som de Tias Fofinhas Tears for Fears (Tchau Shout ("Ramon, I'm talking to you, Ramon")) e Alexxa (Give it Me)

Nenhum comentário:

Quem sou eu

Raphael Fernandes
Carioca, Brasileiro, Estudante de Robótica
Hiperativo, Imperativo
Gosto de tecnologia, de transporte, de Rock, de reclamar e de propagandas criativas (e outras coisas que posso ter falado em um post ou não)
Musicalmente falando, sou assim.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Veja também...